[1º de 10 artigos] Ao falar em público seu objetivo é seu destino

Olá do Mauai. Leia meu de 10 artigos sobre a nossa metodologia Teatro Coach Oratória aplicada em nossos cursos, assessorias particulares, online e treinamentos in company. Cadastre-se e receba todos em seu email. 

E já está no ar nosso primeiro curso online Humor e riso para falar em público. Aulas gravadas – Faça o curso a hora que quiser. Aprenda colocar humor, criatividade e simpatia em suas palestras. Ótima leitura!   

Clique 2º artigo > Como unir objetivo + conteúdo ao falar em público.

Clique 3º artigo > Como usar razão e emoção ao falar em público.

Leia 1º artigo > Ao falar em público seu objetivo é o seu destino.

Uma apresentação em público (quando a plateia participa e não quando interage) pode ser definida como a condução da plateia pelo curso de um discurso. O palestrante cria um caminho (um curso) pelo qual ele vai discorrer conhecimentos e experiências (discurso).

E assim o palestrante conduz a si e à plateia usando de razões (seus argumentos) e movido por suas emoções subjetivas (que irão contagiar a plateia). Deixando a subjetividade de lado, serei agora objetivo, razão objetiva deste artigo.

Afirmo que quatro perguntas definem o conceito de comunicação:

  1. Quem fala?
  2. O que essa pessoa fala?
  3. A quem ela fala?
  4. De que forma ela fala?

E para falar em público acrescento uma quinta pergunta: qual o objetivo de quem fala?

Para ter sucesso na palestra é importante definir o objetivo de maneira efetiva e lúcida. Ter um objetivo ilumina o caminho e dá clareza e foco para a apresentação.

E a pergunta que deve ser feita para definir o objetivo é: “Quando acabar minha apresentação o que eu quero que minha plateia saiba? Entenda? Reflita? Aprenda? Aceite? Se engaje? Discuta? Compre?”

Constate comigo que cada um destes “verbos-perguntas” direcionados às dores, desejos e dúvidas (3Ds) de sua plateia exigem uma definição objetiva.

E estes “verbos-perguntas” podem estar juntos, por exemplo, você pode querer que sua plateia aprenda algo sobre seu serviço/produto específico e também que ela compre de você.

Ou você pode querer que sua plateia reflita sobre um conhecimento do qual você é especialista e com isso, você pretende influenciar a plateia a aprender sobre algo que você considera importante ela saber.

Curso online Humor e Riso para falar em público – Promoção de lançamento! 

Para facilitar, podemos dizer que seu objetivo é como se fosse a sua ideia central. E uma analogia ajuda a iluminar este argumento. Imagine que o seu objetivo é um sol; é a sua ideia central clara, brilhante, definida pra você. E em volta deste sol vão girar todas as outras ideias secundárias (os planetas), que são as informações e conteúdos que você deseja transmitir para a sua plateia.

Então, para guiar sua plateia pelo curso do seu discurso, reforço com outra analogia: seu objetivo é o seu destino. Se você não souber onde você quer chegar com sua plateia, ela saberá menos ainda.

É definindo seu objetivo que você leva a sua plateia junto com você pelo curso objetivo do seu discurso. Discurso que significa discorrer, falar, envolver, argumentar.

Definir bem seu objetivo também vai ajudar você a dar suporte para suas motivações e intenções ao palestrar. Suas emoções (sua subjetividade) somadas à clareza da sua definição objetiva (argumentos) vão ajudar você a conduzir sua plateia do início ao fim do caminho. Vão ajudar você a guiar-se pelo curso do seu discurso iluminado, focado, efetivo e afetivo, movendo e comovendo você e sua plateia.

Lembre-se: Seu objetivo é seu destino. Se você não sabe onde quer chegar, sua plateia saberá menos ainda.

E diante do desafio de falar em público, pesquise, estude e responda com determinação: “Quando acabar minha apresentação o que eu quero que minha plateia saiba? Entenda? Reflita? Aprenda? Aceite? Compre?” (e outros verbos-perguntas com foco nas dúvidas, dores e desejos de sua plateia). 

Definido o objetivo, em seguida pense: o que você vai colocar de conteúdo no discurso? Com que conteúdos você vai caminhar com sua plateia?

Veremos isso no artigo nº 2. Abraços do Mauai

O autor do texto, Mauai, é assessor para falar em público com arte-técnicas do palco, teatro e oratória. Fundador da Teatrês – criação de eventos e treinamentos sob medida para educação corporativa com teatro e gamificação. Curador de conteúdo do blog Quero Falar em Público. Instrutor do curso presencial Liberdade para Errar e do curso Teatro Coach Oratória para Falar em Púbico. Já está na web o nosso primeiro curso online “Humor e Riso para Falar em Público”.

Comentários